Menino Rhuan foi decapitado ainda vivo e levou 12 facadas, aponta laudo

O garoto foi morto e esquartejado pela própria mãe em 31 de maio, em Samambaia, região administrativa do Distrito Federal